sexta-feira, 6 de março de 2009

Tontices



Detesto a expressão LOL. De cada vez que a vejo usada a terminar um comentário ou uma frase eriçam-me os cabelinhos do pescoço. Associo a coisa a cabecinhas de ventania, cérebros pequeninos, risinhos histéricos de timbre irritante, parvoíces gratuitas e merdinhas avulsas.

Afinal o que é que quer dizer LOL? Durante muito tempo pensei que queria dizer “Lots Of Laughs” até que alguém me explicou que significava “Laugh(ing) Out Loud”, ou seja a sua utilização pretende verbalizar alegria espontânea ou riso descontrolado. Até ai tudo bem, nada tenho contra o imaginar de novas formas de expressar emoções mas o problema é que o seu uso caiu na vulgaridade e no por tudo e por nada especializando-se como sinal de validação ou aceitação pateta de qualquer disparate escrito em resposta ou pelo próprio. Mais interessante e redutor, o LOL é usado na maior parte da vezes por mulheres assim como se fosse um lencinho rosa ou uma malinha com florezinhas a tiracolo, nada de coisa que macho possa usar sem riscos.

Se o LOL é um acrónimo de língua inglesa porquê usá-lo em Português? Faria mais sentido por exemplo usar uma boa MERDA, que significa claro está Monte Enorme Risotas Dadas Alegremente.


Puppini Sisters-I will survive/Wuntering heights/Heart of glass/Tu Vuo Fa L’Americano

6 comentários:

mf disse...

Eh eh
Gostei, embora não vá usar (ainda me mandavam a mim para outro lado!). Mas eu poria 'Muitas e Enormes Risotas Dadas Alegremente'.
Olha lá, e já agora... Que tens tu contra lencinhos rosa ou uma malinha com florezinhas a tiracolo? Hum?

Por fim, uma prenda aqui: http://asantiissimatrindade.blogspot.com/2008/09/lol.html
:D

Manuel de Jesus disse...

Sabes que sou uma pessoa complicada, gosto de esconder piadas dentro de piadas e o “monte” é um trocadilho…
Não tenho nada contra o lencinho e a malinha, mas tu podes sair à rua com eles sem sequer pensar assunto, já eu por muito que me pudesse apetecer, teria que equacionar que os iria usar ou seja, como refiro, tornou-se como o LOL uma coisa pouco própria para um macho.
Não conhecia a foto, eu nasci Ateu e tenho vindo a converter-me desde há alguns anos ao Agnosticismo e acredito na teoria do relógio, basicamente se desmontares o engenho de um relógio (daqueles antigos com muitas pecinhas) e o colocares dentro de um saco e sacudires há a possibilidade de o poderes tirar lá de dentro montado, a trabalhar e com as horas certas:)

Ana GG disse...

MERDA!
:)
Também não sou muita dada a "lol's", já a malinhas com florzinhas...tem dias (poucos).

O Magnifico Gino disse...

Hum... agora senti-me bem uma pessoa altamente bem retratada. Sobretudo na cabecinha de vento. Além de ser uma pessoa tonta :)

LBJ disse...

OMG,

Ná não me parece que te encaixes, não me parece nada... :)

Um Beijo

O Magnifico Gino disse...

Oh... às vezes as aparências enganam, digo eu... Mas isto pode ser o Alzheimer ahahah