quinta-feira, 2 de abril de 2009

Singeleza

Nesta solidão de quarto de hotel, deixei-me render ao cansaço e na fraqueza ignorei o apelo da cidade que transborda na noite.

Rebusco nos meus recantos e encontro razões para um sorriso.

Uma pequena homenagem à singeleza de algumas Mulheres em particular…

video
Maria Bethânia canta Terezinha de Chico Buarque

12 comentários:

mf disse...

Gostei da música. E do M maiúsculo.

Qd fz smv2 ofcu2d2, ef…
M2 ucqd amcm nmuh2, q bfm0p2 amddmcqd dmnqd 20pq, mam0tm 02 mc fz d2ccud2. Q xqgm-2 o20eus2. Q eqf.

LBJ disse...

Já passei e apanhei-o, este fica só para mim:)

forteifeio disse...

Grande música, não conhecia. Obrigado, por me dares a conhecer esta maravilha, já por cá tinha passado hoje. Mas não tinha ouvido. Excepcional

LBJ disse...

Esta canção faz parte da Opera do Malandro do Chico Buarque, se não conheces, recomendo-te é uma obra fabulosa…

forteifeio disse...

Já tive para ir ver. Não sabia que fazia parte. Chico Buarque é um verdadeiro intelectual.

mf disse...

Guarda-o. :)

LBJ disse...

O Chico têm inúmeras qualidades além de ser um dos maiores compositores vivos da língua Portuguesa ainda consegue ter genialidade e humildade que deviam de ser exemplo para muitos, sobretudo pseudo-artistas que abundam na nossa praça:)

LBJ disse...

Hedgie,

Guardo com carinho:)

mf disse...

:)


(No comments...)

Ana GG disse...

Para mim a Ópera do Malandro já é um clássico. Tive uma cassete (muito antes de sequer de se sonhar com os Cds) que me acompanhou por largos anos.

Do Chico Buarque também gosto da escrita "Budapeste" é delicioso.

Bons sorrisos e que continuem assim, singelas, as Mulheres!

LBJ disse...

Ana, bem vinda. Um clássico não é mais do algo que sobrevive ao efémero, que é assim um instantinho da nossa vida. Estás enganada nunca houve essas coisas das cassetes e os CD’s sempre existiram;)

Budapeste, conheço a cidade mas não conheço o livro, um dia destes tenho que o ler.

Que as mulheres continuem Mulheres e será mais fácil sorrir:)

Ana GG disse...

Também conheço a cidade!
Lê o livro se tiveres oportunidade.
:)